Pages Menu
Categories Menu

Publicado em 16 de Julho de 2020 às 18:52 em Noticias | 0 comentários

O stress e a ansiedade nas doenças da tiroide

O stress e a ansiedade nas doenças da tiroide

O momento em que vivemos atualmente pode ser bastante complicado, é um estado de emergência e uma situação de calamidade. Vários tópicos estão na ordem do dia, tais como o confinamento/desconfinamento e o teletrabalho. Existe uma maior sensibilização para tópicos relacionados com a saúde em geral, mas também com a saúde mental. O stress e a ansiedade são duas consequências da situação em que vivemos. Mas como podem estes fatores influenciar um indivíduo com uma doença da tiroide?

Antes de mais, devemos relembrar que o stress e a ansiedade fazem parte das nossas vidas, no dia a dia: seja porque algo corre mal, uma data limite para entrega de um trabalho, o trânsito mais complicado que o habitual, ou outras situações. Apesar de não existir uma confirmação que o stress possa causar um distúrbio da tiroide, este pode ser um fator importante em pessoas que tenham alguma destas patologias. Nem todas as patologias da tiroide são afetadas da mesma forma, sendo que as doenças autoimunes, tal como a doença de Graves ou a tiroidite de Hashimoto, parecem ser as mais afetadas por estas alterações.

Será que a gestão do stress diário tem impacto sobre a progressão das doenças da tiroide? Um grupo de investigadores verificou uma associação entre o stress e a doença de Graves, sugerindo que a sua gestão pode ser efetiva no prognóstico da doença de Graves. No entanto, existe uma situação chamada tempestade tiroideia que pode ser exacerbada pelo stress. Esta é uma condição rara, mas com sintomas severos que podem até levar a uma insuficiência cardíaca. A sua relação com a tiroidite de Hashimoto está menos estudada, no entanto existem indícios que o stress crónico, mas não o agudo, pode influenciar a função da tiroide.

Como podemos então gerir os momentos mais desafiantes de forma a evitar complicações na nossa saúde?

  • Praticar exercício físico regularmente. Esta é uma das melhores formas de reduzir e de controlar o stress diário.
  • Fazer pausas regulares no trabalho ou nas atividades que possam causar mais ansiedade.
  • Comer de forma equilibrada e saudável. Ao ingerir uma maior quantidade de vegetais e frutas, leguminosas e outras sementes também reduz o risco cardiovascular e de desenvolver diabetes.
  • Dormir confortável e as horas suficientes ajuda a recuperar de um dia cansativo, preparando-o para um novo dia.
  • Algumas técnicas de relaxamento, por exemplo a meditação, o yoga, ou mesmo exercícios de respiração, podem baixar os níveis de stress.

Estas são uma série de dicas que podem ajudar a baixar os níveis de stress diário e a abrandar o ritmo, mas fazer alterações drásticas no nosso estilo de vida pode, em si, ser uma causa de stress. Por isso aconselhamos a que as alterações sejam introduzidas de forma gradual, e como se sentir mais confortável. Pequenas alterações podem ter um grande impacto na sua saúde. Encontre o equilíbrio e promova o seu bem estar.

Fontes: Endocrineweb (https://www.endocrineweb.com/conditions/thyroid/how-stress-affects-your-thyroid?page=1 e https://www.endocrineweb.com/conditions/thyroid/how-manage-stress-if-you-have-autoimmune-thyroid-disease); Stewart T, Rochon J, Lenfestey R, Wise P. Correlation of stress with outcome of radioiodine therapy for Graves’ disease. J Nucl Med. 1985;26(6):592-599; Medical News Today (https://www.medicalnewstoday.com/articles/312442#diagnosis)

Publicar comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

eight + 15 =

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.