Pages Menu
Categories Menu

Publicado em 31 de Julho de 2020 às 18:15 em Noticias | 0 comentários

A amizade e as doenças da tiroide

A amizade e as doenças da tiroide

A tiroide pode ser afetada por uma série de patologias diferentes, que incluem o hipertiroidismo, o hipotiroidismo, a presença de nódulos e até mesmo as doenças autoimunes. Estas doenças têm uma alta prevalência, mesmo em Portugal, refletindo uma grande probabilidade de conhecermos alguém que sofra de alguma destas patologias. Seja um amigo, um colega de trabalho ou até mesmo um familiar. Por outro lado, se sofremos de uma destas doenças, também nos pode ser difícil de mostrar e de explicar o que é ter uma doença “invisível” para todos, exceto para quem sofre dela.

No Dia Internacional da Amizade, que ocorre a 30 de julho, celebra-se uma cultura de paz e de respeito entre todos, com demonstrações de afeto e de carinho. Uma demonstração de afeto é explicar a quem gostamos, e a quem gosta de nós, o que é sofrer de uma doença da tiroide. Os sintomas associados às doenças da tiroide variam bastante, e os exemplos com os quais podemos ter contacto através dos meios de comunicação e das redes sociais poderão não corresponder ao que sentimos. Os sintomas podem ser físicos e/ou psicológicos e emocionais, e ambos podem afetar as nossas relações.

Entre os sintomas físicos temos a hipertensão, as palpitações, a sudorese, os tremores, a perda de peso ou mesmo alterações a nível ocular, características do hipertiroidismo. Relacionados com o hipotiroidismo temos muitas vezes associados a perda de expressão facial, as pálpebras descaídas, o aumento do peso e a secura da pele. Mas, para além destes, os sintomas psicológicos/emocionais podem ter um especial impacto a nível das nossas relações. A ansiedade, a irritabilidade, a depressão, a dificuldade em apreciar os momentos, as mudanças de humor, a dificuldade em concentrar-se, a falta de interesse e até pequenas falhas de memória podem estar relacionadas com um problema na tiroide.

Mas como facilitar esta conversa? Por vezes o uso de analogias pode ajudar a fazer os outros compreender a nossa situação.  A tiroide é uma glândula endócrina muito importante no funcionamento do nosso corpo, produz as hormonas tiroideas, regulando várias funções no organismo tal como o batimento cardíaco e o metabolismo. Podemos pensar nas hormonas tiroideas como o combustível num carro. Sem combustível, o carro não anda. Ou, por outro lado, podemos pensar nessas mesmas hormonas como o café: sinto-me como se tivesse tomado 20 cafés de uma só vez.

É essencial mostrar, esclarecer as dúvidas e sensibilizar os seus amigos para o impacto que estas doenças podem ter na sua vida. Estabeleça um grupo de suporte e crie laços ainda mais fortes com quem gosta. Mostre-lhes, assim, o quanto importantes eles são para si.

Gostávamos ainda de passar uma mensagem importante: os sintomas que abordamos podem não estar diretamente relacionados com uma doença da tiroide, e podem ocorrer sob outras condições. É, por isso, essencial que fale sempre com o seu médico para confirmar o diagnóstico.

Fontes: CUF Saúde (https://www.cuf.pt/mais-saude/doencas-da-tiroide-tudo-o-que-deve-saber e https://www.cuf.pt/saude-a-z/doencas-da-tiroide); British Thyroide Foundation (https://www.btf-thyroid.org/psychological-symptoms-and-thyroid-disorders)

Publicar comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

one × 1 =

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.