Pages Menu
Categories Menu

Publicado em 30 de Setembro de 2020 às 12:49 em Noticias | 0 comentários

A doença autoimune da Tiroide e a COVID-19

A doença autoimune da Tiroide e a COVID-19

O que é uma Doença Autoimune da Tiroide?

 
Inúmeras doenças da tiroide apresentam uma etiologia autoimune. Dentro deste espólio clínico, incluem-se a Tiroidite Crónica Autoimune (ou de Hashimoto) e a Doença de Graves. Apesar de em Portugal a principal causa de hipotiroidismo ser a Tiroidite Crónica Autoimune, é a Doença de Graves que apresenta maiores riscos de saúde, em caso de pandemia. A sua principal característica é a presença, no nosso corpo, de uma substância anormal (TRAb), um anticorpo antirrecetor da TSH, cuja capacidade de hiperestimular a tiroide pode vir a provocar hipertiroidismo e atingimento ocular (exoftalmia e outras alterações). Quais são os principais riscos, então?

A Doença Autoimune da Tiroide fragiliza o doente com COVID-19?

 
A parte do sistema imunológico que é responsável pelas doenças autoimunes não é a mesma que combate infeções virais, como a COVID-19. Ou seja, os doentes com a doença autoimune da tiroide não ficam imunocomprometidos. No entanto, as pessoas que sofrem de Doença de Graves e de atingimento ocular, que estiverem sob corticoterapia ou outros fármacos imunosupressor para a patologia ocular, encontram-se mais expostas ao risco de serem impactadas pela COVID-19.

O que deverão fazer neste caso?

 
É fundamental fazer o acompanhamento médico indicado pelo SNS e pela DGS, cumprir o isolamento voluntário e interromper transitoriamente a medicação, se esta for a indicação do médico.

Publicar comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

16 + 15 =

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.