Pages Menu
Categories Menu

Publicado em 27 de Dezembro de 2022 às 9:18 em Tiróide | 0 comentários

As Melhores Resoluções de Ano Novo para Quem tem Problemas da Tiroide

As Melhores Resoluções de Ano Novo para Quem tem Problemas da Tiroide

Com o ano novo à porta, é tempo das já tradicionais resoluções, das listas de coisas que decidimos fazer e das promessas que queremos mesmo cumprir. E muitas destas passam por alterações aos estilos de vida, sempre bem-vindas quando os hábitos não são os melhores, sobretudo para quem vive com o diagnóstico de um distúrbio da tiroide.

Seja hipotiroidismo ou hipertiroidismo, há conselhos que são válidos para todos. E que podem, de facto, fazer a diferença, tornando mais fácil a vida de quem enfrenta estes problemas.

– Já todos sabemos que as nossas opções alimentares podem ter um grande impacto na saúde e que há escolhas importantes que devem ser feitas em nome de uma vida mais saudável. Por exemplo, deve optar por uma dieta pobre em açúcar e alimentos processados, já que o excesso de açúcar pode levar à inflamação, o que pode piorar os sintomas de uma tiroide hipoativa.

– O stress faz parte da nossa vida, mas não tem de a dominar. Por isso, há que encontrar formas de o reduzir, até porque é conhecido o seu impacto nas hormonas da tiroide. Como? Que tal uma sessão de meditação ou uma massagem relaxante?

– Não é, de todo, novidade que a prática de exercício faz bem à saúde. E que tal começar a mexer-se, caso ainda não o faça? Pratique exercício entre três a cinco vezes por semana, já que este aumenta a energia, diminui o stress e ajuda na manutenção de um peso saudável (ainda mais importante nos casos de hipotiroidismo). Não sabe que tipo de exercício escolher? Experimente fazer caminhadas, levantamento de pesos ligeiros ou ioga, mas aconselhe-se primeiro com o seu médico antes de adotar um novo plano de exercício.

– Ter uma boa noite de sono costuma ser uma receita vencedora, sobretudo no combate ao cansaço. Importa definir um horário de sono e cumpri-lo, ou seja, ir deitar-se e levantar-se à mesma hora e não dormir menos de sete horas por noite.

 

Fonte: https://www.endocrineweb.com

Publicar comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

4 × one =

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.