Pages Menu
RssFacebook
Categories Menu

Publicado em 22 de Junho de 2018 às 12:53 em Noticias Tiróide | 0 comentários

Obesidade e tiroide

Obesidade e tiroide

Apesar de habitualmente se associar o hipotiroidismo ao aumento de peso e consequente obesidade, a relação entre estas duas variáveis é controversa. Aliás, novos indicadores induzem que alterações na TSH (hormona estimuladora da tiroide) terão um papel secundário, no que diz respeito à obesidade, uma vez que o aumento de casos de obesidade poderá influenciar a visão geral dos níveis normais de TSH em estudos demográficos. Assim sendo, é sugerido que que o excesso de peso esteja relacionado com a diminuição da atividade da tiroide, em vez de ser ao contrário.

Afinal qual a relação?

 

A verdade é que excesso de peso e cancro da tiroide estão relacionados: quanto maior o índice de massa corporal (IMC) maior o risco de ocorrência de cancro da tiroide. No entanto, um novo estudo revela que a relação entre aumento de peso e disfunções na tiroide não será tão categórica.
Os especialistas estabeleceram que a TSH, que estimula a produção de hormonas pela tiroide, desempenha um papel importante no cancro desta glândula, uma vez que influencia o crescimento das células da tiroide. É também aceite que alguém com reduzida atividade tiroidea, terá níveis altos de TSH e que as hormonas da tiroide T3 e T4 são baixas, o que leva ao aumento de peso. Se por outro lado, alguém com alta atividade da tiroide ou hipertiroidismo, a TSH é geralmente baixa, a T3 e T4 têm níveis altos e ocorre perda de peso.
Para se perceber a relação entre estas duas variáveis, estudaram-se indivíduos sem disfunções da tiroide – eutiroideus que evidenciaram resultados ambíguos. Percebeu-se que pequenas variações de peso nestes indivíduos afetaram os níveis de hormonas da tiroide: perdas de peso levaram à diminuição de TSH e T3, enquanto que aumento de peso levou ao aumento de TSH e T3.

Perspetivas futuras

 

No seguimento deste estudo, que demonstra que o excesso de peso torna a tiroide menos ativa e não contrário, um número crescente de médicos está cada vez mais atento a este cenário. Encarando-se que as mudanças subtis das funções da tiroide podem resultar de cenários de obesidade e não ser a sua causa primordial.
No mesmo estudo, percebeu-se que obesos eutiroideus, ao perder peso demonstraram diminuição dos valores de TSH e T3. Consequentemente, uma pessoa obesa com valores elevados de TSH deve apostar em perder peso, o que além de regular os valores das hormonas tiroideas, acarreta outros benefícios para a saúde.

 

Fontes: American Thyroid Association, NCBI

Publicar comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *